06
nov 21

Lucy Hale concedeu uma entrevista ao New York Post onde fala um pouco mais sobre seu novo projeto “Ragdoll” que estreia na próxima quinta feira na AMC. Confira traduzido abaixo:

Lucy Hale disse que seu drama policial “Ragdoll” dá início a uma nova fase de sua carreira.

“Eu queria fazer algo um pouco surpreendente e um pouco diferente”, disse Hale, 32, ao The Post. “Sinto que estou em um capítulo diferente da minha vida. Eu não sabia em que gênero isso cairia, mas eu amo esse gênero de qualquer maneira – eu naturalmente gravito em torno desse tipo de coisa. Eu amo ‘Killing Eve’.”

Estreando na quinta-feira (11 de novembro) no AMC+, “Ragdoll” é um thriller de crime obscuro de seis episódios ambientado no Reino Unido que segue uma equipe de detetives, incluindo DS Nathan Rose (Henry Lloyd-Hughes, “Killing Eve”), seu amigo e a chefe DI Emily Baxter (Thalissa Teixeira) e a nova recruta de sua unidade, DC Lake Edmunds (Hale), enquanto o trio tenta capturar um assassino que costura suas vítimas juntas de uma forma grotesca que foi apelidada de “o Ragdoll”.

Para complicar ainda mais as coisas, Rose tem uma ligação pessoal com o caso, enquanto Edmunds, uma americana, é nova o suficiente para carregar folhas de hortelã para balançar sob o nariz em cenas de crime (já que ela não está acostumada com o cheiro de sangue e morte).

Hale é mais conhecida por comédias românticas e programas voltados para o público adolescente, como “Pretty Little Liars” e o spinoff de “Riverdale” “Katy Keene”, que foi encerrado após apenas uma temporada em 2020.

“Depois da minha última experiência na TV”, disse ela, referindo-se a “Katy Keene”, e seu cancelamento, “eu queria fazer algo mais sombrio e diferente e um pouco mais adulto. Então, eu simplesmente sou grata que as pessoas me deram a chance de fazer parte de algo que é realmente perturbador! Eu amo isso.”

A experiência de Hale em “Ragdoll” foi um caso de iniciação artística na vida, uma vez que, assim como sua personagem Edmunds, Hale era um peixe fora d’água como uma americana em uma produção britânica.

“Ela não é nada ingênua, mas ela é nova neste ambiente. Ela é nova neste setor da força policial e acho que é relativamente nova no Reino Unido. Ela provavelmente está lá há um ou dois anos. Acho que ela está desesperada para provar que pertence ao lugar,” disse Hale. “Baxter e Rose são um par conjunto, e ela meio que conseguiu entrar. Ela é definitivamente uma vela no meio dos dois, mas ela meio que quebra todo mundo no sentido de que ela opera de maneira diferente.”

“Houve paralelos interessantes porque, como Lucy, eu obviamente estava em um país estrangeiro. Eu nunca tinha morado ou trabalhado em Londres antes e estava conhecendo novas pessoas neste projeto que era muito diferente do que estou acostumada a fazer. Então, eu também queria provar que eu pertencia a esse lugar, que queria fazer um bom trabalho. Foi interessante sentir algumas das coisas que Edmunds também estava sentindo.”

Hale não abandonou a chance de fazer dramas mais sombrios para sempre, no entanto. A seguir, ela também estrelará uma adaptação para o cinema do romance best-seller “The Hating Game”.

“Foi tão divertido”, disse ela. “Eu adorei o livro e adoro comédias românticas. Há algo bom em saber o que vai acontecer no final. [Em] contraste, para ‘Ragdoll’, nós pensamos ‘Quem fez isso? Estou na beira da cadeira! ‘Há algo muito bom em assistir a uma comédia romântica porque você sabe que eles vão encontrar o amor e tudo vai ficar bem. Fiz isso com meu amigo Austin Stowell e foi incrível. Eu não vi ainda, mas foi ótimo filmar. Eu sei que o livro tem uma espécie de culto de seguidores, então tenho certeza que eles estão animados para vê-lo.”

E quanto à reinicialização de “Pretty Little Liars” que está em andamento na HBO Max, Hale disse: “Eu definitivamente apoio. Mas, eu acho que não vou fazer parte de nada, exceto assistir. Estou muito curiosa para ver o que eles vão fazer.”

Fonte: NY Post

Confira na galeria mais alguns stills de “Ragdoll”:

SÉRIES E FILMES – TV SHOWS AND MOVIES > TELEVISÃO > RAGDOLL > 1ª TEMPORADA > STILLS

RAG_ED_Proj_Edmunds_1535.jpg RAGDOLL_101_LV_0525_0135-RT.jpg RAG_ED_Proj_Edmunds_1511.jpg

Salvo em: Entrevistas | Ragdoll
08
out 21

Foi divulgado essa semana o primeiro trailer completo e o poster de “Ragdoll“, a série estreia dia 11 de novembro na AMC.

SÉRIES E FILMES – TV SHOWS AND MOVIES > TELEVISÃO > RAGDOLL > 1ª TEMPORADA > POSTERS

Ragdoll_KA_2000x3000_F~0.jpg Ragdoll_KA_2000x3000_F~0.jpg Ragdoll_KA_2000x3000_F~0.jpg

Salvo em: Galeria | Ragdoll | Trailer
18
ago 21

Lucy Hale concedeu uma entrevista ao site Deadline onde falou um pouco mais sobre sua mudança brusca entre ‘Katy Keene‘ e ‘Ragdoll‘. Confira traduzido abaixo:

Lucy Hale diz que vem se preparando para uma série como Ragdoll durante toda a sua vida.

“Eu sou a primeira garota a ouvir qualquer podcast de crimes reais ou a assistir a qualquer um dos programas de crime”, disse Hale durante a parte do TCA da AMC na terça-feira.

De ouvir e assistir aos horrores de crimes reais, Hale está agora no centro de uma horrível teia de assassinatos em Ragdoll. Adaptado para a televisão por Freddy Syborn do romance de Daniel Cole, a série de seis episódios segue o recém-reintegrado DS Nathan Rose (Henry Lloyd-Hughes); sua melhor amiga e chefe, DI Emily Baxter (Thalissa Teixeira); e a nova recruta da unidade, DC Lake Edmunds (Hale) enquanto desvendam o mistério por trás das seis pessoas que foram assassinadas, esquartejadas e costuradas na forma de um corpo grotesco – apelidado de ‘Ragdoll’. A equipe deve encontrar ‘Assassino Ragdoll’ antes dele assassinar as vítimas para sua próxima criação horrível.

Para Hale, Ragdoll é um novo passo em sua carreira – após seus dias de drama adolescente em Pretty Little Liars e seu tempo em Katy Keene. A atriz, que estrelou Pretty Little Liars de 2010 a 2017 e Katy Keene de 2018 a 2020, queria se aventurar além dos tipos de papéis pelos quais era mais conhecida, disse ela.

“Quando você faz parte de algo como Pretty Little Liars ou Katy Keene, as pessoas definitivamente querem mantê-la nessa caixa e eu sou muito grata por essas oportunidades”, disse ela. “Mas tomei a decisão consciente de que, depois que Katy Keene foi cancelada, eu sabia que o próximo trabalho que fizesse realmente tinha que me excitar criativamente.”

A atriz disse que seus fãs, que começaram a segui-la no drama da ABC Family, “cresceram comigo” e acreditam que eles também darão uma chance para Ragdoll e continuar apoiando.

O show AMC mais sombrio e sinistro não é apenas um novo capítulo para a carreira de Hale, mas um novo livro, disse ela.

“Ir para Londres e trabalhar com Sid Gentile, com Freddy, eu estava tão animada para trabalhar com Henry e Thalissa – parecia elevado. Sinto que cresci trabalhando com todos”, disse ela. “Nem mesmo um novo capítulo, mas um novo livro com certeza. Um livro novo e mais sombrio.”

Ragdoll fará sua estréia na AMC quinta-feira, 11 de novembro. Syborn será o roteirista principal e produtor executivo. A série terá produção executiva de Sally Woodward Gentle e Lee Morris para a Sid Gentle Films. McDermott e Kristin Jones supervisionam a AMC e Philippa Collie Cousins, editora de comissionamento, Drama da UKTV será a produtora executiva de Alibi. Lizzie Rusbridger vai produzir. A BBC Studios está distribuindo a série internacionalmente.

Fonte: Deadline

18
ago 21

Foram divulgados essa semana os primeiros stills de ‘Ragdoll‘, nova série estrelada por Lucy Hale para a AMC. Confira as fotos em nossa galeria clicando nas miniaturas abaixo:

SÉRIES E FILMES – TV SHOWS AND MOVIES > TELEVISÃO > RAGDOLL > 1ª TEMPORADA > STILLS

ragdollstill-001.jpg ragdollstill-002.jpg ragdollstill-004.jpeg

A série estreia dia 11 de novembro nos EUA.

Salvo em: Ragdoll | Stills
12
mar 21

O site Variety acaba de anunciar que Lucy Hale estrelará a nova série do canal AMC chamada “Ragdoll”, dos mesmos produtores de “Killing Eve”. Leia a matéria traduzida abaixo:

Lucy Hale assinou para estrelar a nova série da AMC “Ragdoll”.

Na série de seis episódios, que foi encomendada em fevereiro, seis pessoas foram assassinadas, desmembradas e remontadas na forma de um corpo grotesco – chamado de o “Ragdoll”. Atribuídos ao caso chocante foram Nathan Rose, recentemente vindo de Londres, sua melhor amiga e chefe Emily Baxter e a nova recruta da unidade, Lake Edmunds (Lucy Hale). O “Assassino Ragdoll” provoca a polícia enviando uma lista de suas próximas vítimas, com o nome de Rose entre eles. E com essas vítimas para proteger, nossos heróis logo acabam sofrendo nas mãos do público.

A série é baseada no livro de mesmo nome do autor Daniel Cole. A série vai começar a gravar na primavera e estreará mais tarde nesse ano.

Fonte: Variety

Salvo em: Projetos | Ragdoll | Séries
Lucy Hale Brasil • Layout por Lannie D